Buscar

Como está a sua Autoeficácia?





O conceito da AUTOEFICÁCIA foi desenvolvido pelo doutor Albert Bandura, psicólogo canadense e professor de psicologia da Universidade de Stanford, localizada no estado americano da Califórnia. O dr. Pandura fez suas contribuições no campo da psicologia social, cognitiva, psicoterapia e pedagogia.

É essencial que tenhamos a certeza, a crença de que podemos transformar a realidade atual e construir um futuro mesmo estando numa situação muito desafiadora.

Pergunte-se a si mesmo: será que é possível ter autoeficácia, ter essa certeza de que vai conseguir realizar as suas metas, mesmo sem ter controle de nada à sua volta? Sim, é possível. O primeiro passo é exatamente esse: usar a autoeficácia para lidar com essa sensação de impotência e desamparo.

A professora da Escola de Enfermagem do Jonh Hopkins, Centro de Excelência mundial em Medicina, Melissa Hladek lançou o seguinte desafio: devemos aumentar nossa autoeficácia e, assim, elevando nossa confiança para lidar com a crise. Melissa Hladek afirma que nós temos um coach interior, e este coach é capaz de ajudar as outras pessoas e a si mesmo para aumentar a autoeficácia. Ainda, segundo a professora Melissa, o coach é que nos inspira, nos guia, nos encoraja a ter sucesso naquilo que propomos a fazer. Isso torna-se especialmente verdadeiro no cenário em que vivemos, com situações novas todos os dias.

Cada um de nós tem esse coach interior que pode ajudar os outros e, de acordo com a dra. Melissa, fazer coaching aumenta a autoeficácia no combate, por exemplo, do coronavírus.

Porque fazer uma sessão de coaching?

Mediante as instabilidades políticas, econômicas e sociais que o país está passando é natural que as pessoas duvidem na capacidade de realizar conquistas e ser bem-sucedidas em um futuro próximo. E é justamente em momentos que precisamos desenvolver a autoeficácia, que é o combustível que nos estimula a alcançar um determinado objetivo, atingir a auto performance e obter resultados cada vez melhores.


Qual é o conceito aqui?

O conceito da autoeficácia tem sua origem na teoria social cognitiva, elaborada pelo psicólogo Albert Bandura, professor da Universidade de Stanford, com já afirmamos antes.

De uma maneira bem simples podemos definir a autoeficácia como o julgamento que cada pessoa faz da sua capacidade para realizar alguma ação específica ou um conjunto de ações. Ou seja, a crença em sua capacidade de atingir objetivos.

A autoeficácia afeta o modo de como o indivíduo pensa, sente e age. Assim, dependendo da tarefa que vai executar ele pode se sentir com uma autoeficácia mais elevada ou mais baixa, determinando o quanto de motivação terá para realizar a atividade.

O Que Você Ganha com a Autoeficácia?

São inúmeras as melhorias, tanto pessoais como profissionais.

No âmbito profissional destaca-se o aumento de confiança em relação a forças e habilidades. Ao elevar o nível de autoeficácia, o profissional trabalha com mais afinco, plenitude e apresenta menos reações emocionais adversas ao lidar com dificuldades.

A autoeficácia também está atrelada ao aumento do bem-estar e ao florescimento pessoal. Isso, porque, como explica o dr. Albert Bandura: a crença na própria eficácia pode influenciar as pessoas emocionalmente diminuindo o nível de estresse, ansiedade e depressão.


Perguntas para sua reflexão:

- O quanto você acredita que é capaz de atingir seus objetivos?

- Você tem autoeficácia em relação aos desafios que enfrenta?

- Os benefícios citados anteriormente sobre a autoeficácia são uteis para você?

- O que mudaria ou melhoraria se você pudesse dispor desses benefícios?


26 visualizações

Receba nossas atualizações

  • telegram-logo-1
  • Pinterest
  • Instagram
  • YouTube
  • Twitter
  • Facebook ícone social

© 2020. Orgulhosamente criado com Wix.com